fbpx

Londrina 2021: veja como fica o elenco após o acesso à Série B

Share this...

Tubarão começa a planejar o restante da temporada; próxima competição será o Paranaense

Por: Junior Azevedo

Fotos: Gustavo Oliveira/Londrina Esporte Clube

Garantido na Série B de 2021, o Londrina Esporte Clube passará por uma grande reformulação no elenco para o primeiro semestre. No Campeonato Paranaense, cujo início será no dia 28 de fevereiro, o Tubarão atuará com um grupo de jogadores mais enxuto e com vários nomes formados no clube.

De férias, o elenco alviceleste se reapresenta no dia 1 de fevereiro para o início da pré-temporada. Em negociação com o Londrina para a renovação de contrato, o técnico Alemão afirmou na entrevista exclusiva ao Tubanautas que pretende trabalhar com um elenco de 25 jogadores. Veja a abaixo quem tem chances de permanecer no clube e os jogadores que devem deixar o Lec.

GOLEIROS

Titular na Série C, Dalton foi o único jogador do LEC que jogou todos os jogos da equipe na competição

Dalton: contrato válido até o final de janeiro/21
Contratado para a Série C, o goleiro foi titular absoluto na campanha do acesso. Se não aparecer propostas, o jogador de 34 anos tem boas possibilidades de renovar com o Tubarão.

Alan: contrato válido até janeiro/21
Revelado na base do Londrina, Alan foi uma das maiores promessas do sub-20 do Tubarão e chegou a ser negociado com o Cruzeiro. Sem jogar desde o dia 24 de março de 2019, o jogador de 24 anos não deve renovar com o LEC.

Maltos: contrato válido até dezembro/21
Terceiro goleiro na campanha da Série C, o jovem Maltos será mais utilizado nesta temporada. O jovem goleiro do Tubarão tem tudo para ser o segundo nome da posição para o Estadual.

LATERAIS

Desde a sua chegada, Gedeílson tomou conta da posição e foi peça importante no acesso

Gedeílson: contrato válido até janeiro/2021
Titular desde a sua chegada, Gedeílson tomou conta da posição no decorrer da Série C. Aos 28 anos, o lateral direito anunciou nesta quarta-feira (20), que não fica no Tubarão.

Hélder: contrato válido até janeiro/2021
Emprestado pelo Brasil de Pelotas em 2019, Hélder sofreu com várias lesões com a camisa do Londrina. Aos 32 anos, o jogador não terá o seu vínculo renovado para a sequência da temporada.

Alan Cardoso: contrato válido até janeiro/2021
Emprestado pelo Santos, o lateral esquerdo mesclou partidas na equipe titular e algumas entrando no segundo tempo com a camisa do Tubarão. O jogador não terá o seu empréstimo renovado e será devolvido ao Peixe.

Rafael Rosa: contrato válido até janeiro/2021
Vinculado ao Grêmio Osasco-SP, o lateral esquerdo foi emprestado ao Londrina após ser semifinalista do Campeonato Mineiro com a Caldense. Com mercado, o jogador deixará o Tubarão após o término do contrato.

Felipe Camilo: contrato válido até dezembro/2022
Considerado uma das principais promessas da base do Londrina, o jovem lateral esquerdo teve as suas primeiras oportunidades no Paranaense 2020. No período de Série C, o jogador sofreu com lesões e não atuou pela competição. Com a idade estourada para o sub-20, Felipe Camilo será utilizado no Paranaense 2021.

ZAGUEIROS

Jeferson Silva foi um dos pilares do acesso do Tubarão à Série B

Jeferson Silva: contrato válido até janeiro/2021
Titular absoluto do Tubarão na campanha da Série C, o zagueiro Jeferson Silva foi um dos pilares do acesso do Londrina. O jogador do 28 anos pertence ao Portiminense, de Portugal, e não terá seu vínculo de empréstimo renovado neste momento.

Marcondes: contrato válido até dezembro/2021
Titular ao lado de Jeferson, o zagueiro Marcondes foi outro nome importante na campanha do Tubarão. Cria das categorias de base do Londrina, o jogador de 27 anos fica no Tubarão para a disputa do Paranaense.

Zé Pedro: contrato válido até dezembro/2022
Cria das categorias de base do Londrina, o jovem Zé Pedro tem tudo para ser titular do Tubarão ao lado de Marcondes no Paranaense. Aos 21 anos, o zagueiro é uma das maiores promessas do Lec. Na última temporada atuou em dez partidas.

Cristian: contrato válido até dezembro/2022
Outro nome das categorias de base do clube, Cristian terá mais espaço no Tubarão no Campeonato Paranaense. O jovem zagueiro fez dupla de zaga com Zé Pedro na equipe sub-20 do Tubarãozinho e jogou três partidas pelo Lec profissional na última temporada.

Caio Bacarin: contrato válido até junho/2022
Revelado nas categorias de base do Londrina, Caio Bacarin é zagueiro e lateral esquerdo e deve ser utilizado no Campeonato Paranaense. O jovem de 21 anos foi relacionado algumas vezes nesta edição da Série C.

Lucas Costa: contrato válido até janeiro/2021
Nome importante do Tubarão na campanha da Série B de 2018, o zagueiro Lucas Costa tem chances de permanecer no Londrina. Recuperado de lesão no tendão de aquiles, o jogador de 25 anos depende de um aval do treinador para renovar o seu vínculo.

William Correia: contrato válido até janeiro/2021
Revelado nas categorias de base do Coritiba, o zagueiro William Correia não conseguiu uma boa sequência com a camisa do Tubarão, O jogador de 22 anos teve várias lesões e não deve ter seu vínculo renovado.

VOLANTES

Titular em boa parte da campanha na Série C Marcel sofreu com lesões mas conseguiu se destacar com a camisa do Tubarão

Marcel: contrato até janeiro/2021
Titular na reta final da Série C, Marcel está de saída do Londrina. O volante pertence ao Portimonense, de Portugual, e dificilmente terá o seu vínculo de empréstimo renovado.

Matheus Bianqui: contrato até junho/2022
Titular na campanha do acesso, Matheus Bianqui teve a sua melhor temporada com a camisa do Londrina. Jogando de segundo volante, o jogador de 22 anos terá mais uma temporada no Tubarão.

Jardel: contrato válido até maio/2021
De volta ao Londrina em 2020, Jardel foi uma peça importante no elenco do Tubarão. O jogador tem contrato até o final do Campeonato Paranaense e deve permanecer no clube.

Bidía: contrato válido até janeiro/2021
Cria das categorias de base do Londrina, o volante Bidía voltou ao Lec em 2020 e foi titular dos dois últimos jogos do Tubarão na Série C. Com o vínculo perto do fim, o jogador de 28 anos já sinalizou para a diretoria o desejo de permanecer no clube. A decisão está nas mãos da comissão técnica.

Leandro Donizete: contrato válido até maio/2021
Jogador mais experiente do elenco do Tubarão, Leandro Donizete chegou ao clube no ano passado e foi pouco utilizado (2 jogos). Aos 38 anos, o jogador deve permanecer no Londrina até o final do seu contrato.

Luan Marchiori: contrato válido até dezembro/2022
Uma das maiores promessas das categorias de base do clube, Luan Marchiori foi uma espécie de “coringa” nesta Série C, jogando até nas duas laterais. O volante de 21 anos deve ser mais utilizado no Campeonato Paranaense.

Chicão Amorim: contrato válido até janeiro/2021
O jovem volante pouco jogou com a camisa do Tubarão na última temporada. Chicão Amorim pertence ao Famalicão, de Portugal, e não deve ter o seu vínculo de empréstimo renovado.

Pedro Cacho: contrato válido até dezembro/2021
Revelado nas categorias de base do Londrina, Pedro Cacho sofreu com lesões e teve pouco espaço em 2020. Com contrato válido até o final de 2021 no Tubarão, o volante de 21 anos deverá ser mais utilizado.

Gabriel Galhardo: contrato válido até janeiro/2021
Contrato em dezembro de 2020, o volante, que é irmão do meia Thiago Galhardo, do Internacional, nem chegou a estrear com a camisa do Tubarão. O jogador de 26 anos já deixou o Lec e acertou com o Athletic, da segunda divisão de Minas Gerais.

MEIAS

Artilheiro do Londrina na Série C, Adenílson foi um dos principais nomes do Tubarão no acesso

Adenílson: contrato válido até dezembro/2021
Artilheiro do Londrina na Série C com seis gols, o meia Adenílson foi um dos principais destaques da equipe no acesso. Tratado como prioridade no clube, o meia já acertou a renovação com o Tubarão até o final do ano, no entanto. o jogador pode ser emprestado e retornar para jogar a Série B.

Celsinho: contrato válido até janeiro/2021
De volta ao Londrina em 2020 para a sua quarta passagem pelo clube, Celsinho atendeu as expectativas e foi peça importante no acesso. O jogador de 32 anos já demonstrou o interesse em ficar no clube e deve ter o seu vínculo renovado.

Fábio Matos: contrato válido até janeiro/2021
Emprestado pelo Juventude, o meia Fábio Matos iniciou a Série C como titular mas depois perdeu a vaga no decorrer da competição. Aos 24 anos, o jogador não terá o seu vínculo de empréstimo renovado.

Caíque Valdivia: contrato válido até janeiro/2021
Assim como Fábio Matos, Caíque Valdivia chegou ao Londrina emprestado pelo Juventude e até iniciou a campanha na Série C como titular. Com desempenho abaixo do esperado, o jogador ficou fora do banco de reservas nos últimos jogos e não terá o seu vínculo renovado.

ATACANTES

Com altos e baixos na Série C, Carlos Henrique fica no Londrina para 2021

Carlos Henrique: contrato válido até dezembro/2021
Sempre contestado pelo torcedor do Londrina, Carlos Henrique foi titular em boa parte da campanha na Série C, marcando três gols na competição, Com contrato válido até o final do ano, o jogador permanece no clube.

Junior Pirambu: contrato válido até dezembro/2021
Contratado em 2019, Junior Pirambu ficou longe de atender as expectativas com a camisa do Tubarão. O jogador está próximo de rescindir o contrato com o clube para retornar ao Brusque.

Douglas Santos: contrato válido até janeiro/2021
Titular na reta final da Série C, Douglas Santos está de saída do Londrina Esporte Clube. Com um mercado forte no futebol paulista, o jogador não deve renovar com o Tubarão.

Igor Paixão: contrato válido até janeiro/2021
Emprestado pelo Coritiba, Igor Paixão teve uma boa temporada pelo Londrina Esporte Clube sendo titular em boa parte. Após se destacar no Tubarão, o jogador de 22 anos retorna ao Coxa e será utilizado no Paranaense.

Samuel Gomes: contrato válido até janeiro/2021
Nome importante na reta final da Série C, Samuel Gomes já anunciou a sua saída do Londrina. O atacante tem vínculo com o Goiás e retorna ao clube para a disputa do Estadual.

Uelber: contrato válido até dezembro/2021
Revlado no Londrina, Uelber teve algumas oportunidades na reta final da Série C. Com contrato válido até o final do ano, o jogador de 22 anos permanece no Tubarão para o Paranaense.

Victor Daniel: contrato válido até dezembro/2022
Considerado a maior promessa da base do Londrina, Vitinho foi um nome importante na Série C. O jogador tem tudo para ser titular no Campeonato Paranaense.

Juan Matos: contrato válido até dezembro/2022
Uma das principais promessas das categorias de base, o atacante Juan Matos será mais utilizado em 2021. O jogador estourou a idade do sub-20 e jogará o Paranaense desta temporada.

Danilo: contrato válido até dezembro/2021
Cria das categorias de base do Londrina, o jovem Danilo atuará pela terceira temporada consecutiva na equipe profissional do Londrina. O jogador de 21 anos sofreu com lesões durante a Série C e será mais utilizado no Campeonato Paranaense.

Gerônimo: contrato válido até maio/2021
Contratado em dezembro de 2020, o atacante Gerônimo ainda não atuou pelo Londrina. O jogador de 23 anos tem contrato até o final do Campeonato Paranaense e pode permanecer no clube.

Sem contrato profissional: Cirilo (18 anos) e Wilker (16 anos) foram utilizados na Série C mas devem mesclar partidas na base e nos titulares em 2021.

VOLTAM DE EMPRÉSTIMO

Campeão da Primeira Liga em 2017, o goleiro César tem contrato com o Londrina

César: contrato até dezembro/2021
Com o vínculo com o Tubarão até o final deste ano, o goleiro César volta após o empréstimo ao Vitória-BA. O jogador de 24 anos tem possibilidades de ficar, no entanto, a diretoria aguardará propostas.

Alisson Safira: contrato até dezembro/2021
Com contrato com o Londrina até o final do ano, Alisson Safira se reapresenta ao clube no dia 1 de fevereiro após os empréstimos junto a Ponte Preta e CRB, em 2020. O jogador de 25 anos deve ser emprestado mais uma vez ou negociado em definitivo.

Augusto: contrato até dezembro/2021
Titular no Londrina nas temporadas 2019 e 2020 (até o Paranaense), o zagueiro Augusto volta após o empréstimo junto ao Juventude. Com 18 partidas no clube gaúcho, o jogador de 23 anos tem chances de permanecer em Caxias do Sul-RS. Se não receber propostas, pode até ser utilizado no Tubarão.

LEIA MAIS

Análise – Londrina teve que se reerguer durante toda a Série C para garantir o acesso

Acesso, permanência no Londrina e mais; confira a entrevista exclusiva com o técnico Alemão

BAIXE O APLICATIVO DA TUBARÁDIO!

Deixe uma resposta

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *