fbpx

Londrina domina primeira etapa, goleia o Trem e avança na Copa do Brasil sub-17

Share this...

Com primeiro tempo avassalador, Londrina controla o Trem e se classifica na competição nacional

Por: Vinícius Eira
Fotos: Rosivaldo Nascimento/Arquivo pessoal

O Londrina foi até Macapá para encarar o Trem, primeiro desafio na Copa do Brasil sub-17, e os comandados de Silvinho Canuto deram show, garantindo classificação inédita as oitavas de finais da competição. Com muita intensidade, pressão e volume de jogo, o LEC não tomou conhecimento do adversário e aplicou 4 a 2. Daniel Santos, Lucca, Wilker e Guilherme marcaram para o LEC. Saimon e Thiago descontaram para os amapaenses. Equipe alviceleste enfrenta o Sport já na próxima semana.


LEIA MAIS: Será somente no quadrangular final?
Na disputa do Bronze, Londrina é derrotado para o Maringá pelo Paranaense de Basquete


O JOGO

Quem pode acompanhar a partida se surpreendeu com o grande volume de jogo criado pelo Londrina contra o Trem. Com uma pressão alta, forçando o erro, e explorando as alas do ataque e os espaços deixados pelos dois volantes adversários, que subiam bastante, o LEC mandou no jogo do começo ao fim na etapa inicial. Em 10 minutos, o Tubarão chegou com perigo em três oportunidades, com Wilker e Daniel Santos, os dois pontas que ditaram o atropelo no primeiro tempo.

Com muito mais volume de jogo, e forçando o erro adversário, o gol era só questão de tempo, e ele veio. Aos 11 minutos, Lucca recuperou uma bola no meio-campo e tocou para Wilker, que fez um passe magistral, entre a defesa do Trem, encontrando Daniel Santos, que só teve o trabalho de encostar com a parte externa do pé para tirar do goleiro Erick e abrir o marcador. 1 a 0.

O LEC, mesmo com vantagem no placar, seguia pressionando a saída de bola adversária e explorando o grande espaço que o adversário deixava entre as linhas. Mas, talvez no maior defeito do Londrina, que é o volume de faltas, o Trem encontrou uma boa oportunidade. Após bola parada lançada na área, a defesa alviceleste não conseguiu afastar o perigo e ela sobrou limpa para Thiago, que tentou driblar o goleiro Neneca, mas foi derrubado pelo o mesmo. Pênalti para o Trem. O próprio Thiago foi para a cobrança, mas finalizou forte demais e a bola explodiu no travessão.

Após o susto, o Londrina cresceu na partida, e conduzido pelo trio Marco Antônio, Daniel Santos e Wilker, voltou a levar perigo ao gol defendido por Erick. Mas aos 26 minutos, outro destaque do LEC no jogo fez uma pintura e deixou as coisas mais tranquilas. Em contra-ataque rápido, Wilker lançou Lucca, que conduziu com liberdade pela ponta esquerda, e quando todos esperavam um cruzamento na área, o lateral surpreendeu e encobriu o goleiro Erick para fazer um golaço no Estádio Zerão. 2 a 0.

Mas diferentemente do que ocorreu no primeiro gol, desta vez o Trem foi quem reagiu e se lançou em busca do gol. Aos 33, o goleiro Erick deu um chutão, Cauã escorou no meio e ela sobrou limpa para Saimon, que invadiu a área pela direita e, sem marcação, tocou na saída de Neneca para diminuir o jogo. 2 a 1. O gol deu uma quebrada no ritmo da partida, que passou a ficar mais pegado no meio de campo.

Mas quando já se pensava no intervalo, o Londrina explorou novamente os erros adversários e ampliou a vantagem. Marco Antônio recuperou mais uma bola no campo de ataque, encontrou Weslley sozinho na ponta direita, que invadiu a área e rolou para Wilker finalizar e marcar o terceiro. 3 a 1 que resumiu bem o que foi o primeiro tempo, com um Tubarão muito intenso, sufocando, não dando espaço, pressionando os erros adversários e aproveitando as oportunidades.

Jogadores do Londrina perfilados antes da partida (Rosivaldo Nascimento/Arquivo pessoal)

Para a segunda etapa, o técnico Armando Carvalho modificou seus dois laterais, e dificultou um pouco o jogo do LEC pelas alas. Além disso, ele tirou seu homem de referência, Cauã, e colocou um atacante de mais mobilidade, Vitinho, para tentar bagunçar mais a defesa alviceleste. As mudanças surtiram efeito, e o Trem cresceu no jogo. Aos 11 minutos, aproveitando a ausência do zagueiro do Londrina Jeílson, que estava sendo atendido fora de campo, o próprio Vitinho fez um lançamento na área, e Thiago, sozinho, emendou um voleio e marcou um golaço para descontar. 3 a 2.

O Londrina sentiu bastante a parte física, o gramado ruim e o forte calor que fez em Macapá, e recuou demais suas linhas tentando segurar a vantagem, buscando explorar mais as transições e os espaços no ataque para sacramentar a classificação. Já o Trem, se lançava para frente pelo meio, buscando criar nas bolas paradas, e obrigando Neneca a trabalhar, principalmente em uma falta cobrada por Saimon, no ângulo.

Mas no apagar das luzes, aos 50 minutos, o Londrina ainda encontrou mais um gol. Em jogada bem trabalhada, o LEC girou a bola na frente da área até ela chegar em Jhuan Gabriel pela direita, que cruzou na medida para Guilherme cabecear firme, no chão, e sacramentar a classificação do Tubarãozinho. 4 a 2.

Com a vitória, o Londrina se credencia para as oitavas de finais, e irá encarar o Sport Recife. A ida está marcada para a próxima quarta-feira (2), e a volta será na outra semana (9). Os mandos de campo serão definidos por sorteio.


FICHA TÉCNICA: TREM-AP 2×4 LONDRINA

Trem: Erick; João (Antônio), Cassio, Hugo (Fernando) e André (Wendel); Thiago, Jair (Picolé) e Dayveson; Jimmy, Saimon e Cauã (Vitinho). Técnico: Armando Carvalho.

Londrina: Neneca; Jhuan Gabriel, Jeílson, Davi Figueiredo e Lucca (Augusto); Miguel (Guilherme), Felipe Vicentini e Marco Antônio; Daniel Santos (Bruno Caetano) [Kayke], Wilker e Weslley (Anderson). Técnico: Silvinho Canuto.

Gols: Saimon (33’1T) e Thiago (11’2T) para o Trem. Daniel Santos (11’1T), Lucca (26’1T), Wilker (44’1T) e Guilherme (50’2T).

Cartões amarelos: Cássio, Hugo, Thiago, Jair, Dayvesson e Jimmy para o Trem. Lucca, Marco Antônio e Wilker para o Londrina.

Árbitro: Samuel dos Santos-AP.

Assistentes: Salmon Lopes da Silva-AP e Luan Patrique da Silva-AP.

Estádio: Zerão, em Macapá-AP.


BAIXE O APLICATIVO DA TUBARÁDIO!

Deixe uma resposta

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *