fbpx

Em mais um jogo ruim, Londrina empata com Botafogo e segue sem vencer na Série B

Share this...

Com um Londrina que segue com dificuldades ofensivas, e um Botafogo que pouco fez no jogo, empate foi o resultado mais justo

Por Vinícius Eira
Foto: Ricardo Chicarelli/Londrina EC

Londrina e Botafogo sem enfrentaram hoje no Estádio do Café, em jogo válido pela 4ª rodada da Série B. Mas apesar dos quatro gols, as duas equipes entregaram muito pouco, erraram bastante e o empate acabou sendo o resultado mais justo. Tárik e Júnior Pirambu marcaram para o LEC, e Rafael Navarro e Luis Oyama fizeram para o Glorioso.


O JOGO

Pensando em ter mais controle do meio campo e qualidade no passe, Roberto Fonseca tentou um esquema com Marcelo Freitas e Mossoró desde o início do jogo. Mas não teve nem tempo de tentar algo e o Botafogo já abriu placar. Desequilibrado psicologicamente, o LEC fez muitas faltas no começo da partida, e em uma delas, Chay cruzou entre a defesa e o Dalton, Rafael Navarro testou e abriu o placar.

O Londrina, que já jogava mal, piorou. As jogadas não encaixavam, como vemos frequentemente na temporada, e o Botafogo se sentiu tranquilo no jogo. Marcelo Chamusca baixou suas linhas, a equipe carioca se fechou no campo de defesa e não deu espaço ao LEC. As chances que surgiram foram em finalizações de fora da área, mas a que levou mais perigo foi de Safira, para fora. Com isso, após 45 minutos, só o gol do Botafogo.

Para o segundo tempo, tentando arrumar a equipe de alguma forma, Tárik e Caprini entraram, e o Londrina ganhou um gás novo. Com mais presença ofensiva, a pressão surgiu naturalmente, e na bola parada o LEC encontrou o gol. Após escanteio cobrado por Ricardo Luz, ninguém marcou Tárik, e o meia cabeceou para o fundo do gol defendido por Douglas Borges.

O que poderia se converter em um Botafogo saindo mais para o jogo, e os espaços surgindo para o Londrina, não aconteceu. O Tubarão seguia com dificuldades na saída de bola e quase não criava. Adenílson entrou e melhorou o LEC, mas não conseguia estar em todo o Estádio do Café. Aos 26 minutos, Marcondes tentou um passe no meio, errou de novo, não voltou para a defesa e deu o espaço para Marco Antônio entrar, driblar Augusto e rolar para Luis Oyama, que apareceu sem marcação para finalizar e recolocar o Glorioso na frente.

E quase como sempre, o Londrina sofreu o gol e sentiu muito psicologicamente. As jogadas não encaixavam e o tempo ia acabando. Com isso, um herói improvável salvou o Tubarão. Primeiro, em falta cobrada na área, Marcondes escorou e Pirambu tentou a finalização, mas pegou mal. Mas um time não pode dar duas oportunidades para o atacante alviceleste. Aos 43, Luiz Henrique tentou cruzamento, Paulo Victor afastou mal e Adenílson chegou finalizando, Douglas Borges fez a defesa, mas deu rebote, e Júnior Pirambu não desperdiçou novamente. Se jogou na bola e buscou um pouco para o LEC.

Com o empate, o Londrina saiu da zona de rebaixamento, mas segue em risco, sem nenhuma vitória na Série B. O Tubarão agora viaja para Maceió, para enfrentar o CSA, 19º colocado e que também não venceu na Segundona, no domingo (20), às 20h30. Já o Botafogo permanece no G-4, porém, não consegue se aproximar do líder Náutico e desperdiça a chance de assumir a liderança da segunda divisão já no próximo domingo, quando encara o próprio Timbu nos Aflitos, às 16 horas.


FICHA TÉCNICA: Londrina 2×2 Botafogo

Londrina: Dalton; Ricardo Luz (Talison), Marcondes, Augusto e Luiz Henrique; Jean Henrique, Marcelo Freitas (Tárik) e Mossoró (Adenílson); Douglas Santos, Safira (Caprini) e Salatiel (Júnior Pirambu). Técnico: Roberto Fonseca.

Gols: Tárik (8’2T) e Júnior Pirambu (43’2T).

Cartões amarelo: Jean Henrique, Marcelo Freitas e Safira.

Botafogo: Douglas Borges; Warley, Kanu, Gilvan e Paulo Victor; Luis Oyama (Ricardinho), Pedro Cacho e Marco Antônio (Barreto); Ronald (Daniel Borges), Chay (Diego Gonçalves) e Rafael Navarro (Rafael Moura). Técnico: Marcelo Chamusca.

Gols: Rafael Navarro (8’1T) e Luis Oyama (26’2T).

Cartões amarelo: Luis Oyama e Chay.

Árbitro: Salim Fende Chavez.

Assistentes: Alex Ang Ribeiro e Herman Brumel Vami.

Local: Estádio do Café, em Londrina.


LEIA MAIS

Conheça o Londrina Futebol Clube, última equipe de Garrincha

BAIXE O APLICATIVO DA TUBARÁDIO!

Deixe uma resposta

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *