fbpx

Londrina x Coritiba: relacionados, escalação, arbitragem e retrospecto

Share this...

Londrina e Coritiba se enfrentam em momentos diferentes, mas ainda pressionados pela vitória e por um bom futebol

Por Vinícius Eira

Um dos maiores clássicos do Paraná será disputado neste domingo (9), no Estádio do Café. Londrina e Coritiba farão o confronto de número 150 pressionados pela vitória e por uma regularidade na temporada. O LEC busca escapar de vez do rebaixamento e garantir um passo rumo às quartas de finais. Já o Coxa espera reencontrar a glória para subir na tabela. A bola rola às 18 horas.


LONDRINA

Nada como uma vitória para mudar os ares. E o triunfo de 4×0 contra o Cascavel CR – placar que não acontecia desde o Paranaense de 2016, contra o J Malucelli, no VGD – mudou o discurso de pressão para classificação às quartas de finais e possibilidade de vaga para a Copa do Brasil. Agora, o LEC quer manter a regularidade, vencer também um dos maiores rivais e se aproximar da briga por uma vaga na parte de cima da tabela.

Mas além da vitória, a semana do Londrina foi movimentada também fora de campo. O clube apresentou oficialmente o atacante Tiago Orobó e o volante Zé Ricardo, além de contar com o retorno do zagueiro Augusto. Roberto Fonseca também conta o retorno de Jean Henrique, que cumpriu suspensão na última partida. Por outro lado, Felipe Vieira, Pedro Cacho, Danilo e Victor Daniel seguem no departamento médico. Cristian e Marcel estão em transição física e devem retornar aos treinos na próxima semana.

Com isso, o LEC terá no Estádio do Café os seguintes atletas:

Goleiros: César e Dalton;
Laterais: João Carlos e Luiz Henrique;
Zagueiros: Augusto, Lucas Costa, Marcondes e Zé Pedro;
Meias: Adenílson, Bidía, Celsinho, Jean Henrique, Luan Marchiori, Marcelo Freitas, Matheus Bianqui e Zé Ricardo; 
Atacantes: Douglas Santos, Gerônimo, Juan Matos, Safira, Salatiel, Thiago Henrique e Wilker.

Sem novos desfalques, e feliz com o desempenho ofensivo apresentado no último jogo, o técnico alviceleste deve manter a escalação titular, que tem: Dalton; João Carlos, Marcondes, Lucas Costa e Luiz Henrique; Marcelo Freitas, Matheus Bianqui e Adenílson; Douglas Santos, Safira e Salatiel.


CORITIBA

O Coxa vive seu momento de maior instabilidade na temporada. A equipe alviverde vem de derrotas para o FC Cascavel e o Athletico, o desempenho não agrada a torcida e a preocupação para a Série B é grande. Mas nada como um dia após o outro, e o escrete da capital vê esse jogo contra o Londrina como uma boa oportunidade para virar a chave na temporada. Além disso, se vencer, o Coritiba já se garante nas quartas de finais do Estadual.

Mas o técnico paraguaio Gustavo Morínigo terá trabalho para escalar a equipe. O meia Robinho e o atacante Cerutti se lesionaram no Athletiba e estão fora. O volante Val, que já havia sido desfalque no clássico, ainda não reúne condições de jogo. Além deles, o atacante Rafinha e o volante Willian Farias, dois de seus principais jogadores, estão suspensos.

Com isso, Morínigo deve mandar ao jogo o seguinte Coxa: Wilson; Igor, Nathan Ribeiro, Luciano Castán e Romário; Jhony Douglas, Matheus Sales e Valdeci; Igor Paixão, Waguininho e Léo Gamalho.


RETROSPECTO

Duas das equipes mais tradicionais do estado, Londrina e Coritiba já se enfrentaram 149 vezes na história, com o primeiro confronto sendo disputado em 1957. De lá para cá foram 47 vitórias alvicelestes, 34 empates e 68 triunfos alviverdes. Mas para além da rivalidade, que se intensificou a partir de 2012, o Tubarão busca se agarrar no bom retrospecto recente. Nos últimos sete jogos no Estádio do Café, – desde aquela grande partida na última rodada do Paranaense de 2014 – o LEC venceu cinco vezes. Ademais, pelo estadual, a última vitória foi justamente em casa, em 2017, 1×0, com gol anotado por Germano, de pênalti.


ARBITRAGEM

Árbitro: Robson Babinski – Santa Isabel do Oeste (PR);
Assistentes: Ivan Carlos Bohn – Curitiba (PR) e Lucas Prates Chiarello – Cascavel (PR);
4º árbitro: João Paulo Romano Queiroz – Londrina (PR).


LEIA MAIS:

EXCLUSIVO – “Não tive tempo para corrigir o time”, afirma Silvinho
Londrina aproveita fragilidade do Cascavel CR, vence a primeira e respira no PR
Londrina Predial Basketball mostra evolução no Campeonato Brasileiro e ganha força para a disputa dos playoffs

BAIXE O APLICATIVO DA TUBARÁDIO GRATUITAMENTE!

Deixe uma resposta

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *