Tag: Copa do Brasil 2019

Londrina vence com muita luta, mas não tira a vantagem do Bahia e dá adeus na Copa do Brasil

O Londrina venceu, lutou e tentou reverter a vantagem do Bahia, mas não conseguiu. Resultado de 2 a 1 para o Alviceleste. Os gols do LEC foram de Anderson Oliveira e Dagoberto, já Fernandão fez o gol do Tricolor. O próximo compromisso do Alviceleste será a estreia no Campeonato Brasileiro da Série B, contra o CRB, em Maceió (AL), no Estádio Rei Pelé, no domingo (28), às 16h. Já o Tricolor baiano recebe o Corinthians, na Arena Fonte Nova, em Salvador (BA), também no domingo (28), às 16h, na estreia do Campeonato Brasileiro da Série A. O adversário do Bahia vai ser conhecido após sorteio da 5ª fase da Copa do Brasil, que será realizado pela CBF.

Londrina vai para cima, abre o placar rápido, sofre o empate, mas termina a primeira etapa na frente

Na primeira chegada! Com menos de um minuto, Anderson Leite avançou e chutou cruzado, Anderson Oliveira chapou a bola no canto de Anderson, 1 a 0 Tubarão. Aos 3, Artur recebeu na ponta esquerda e bateu cruzado, Matheus Albino foi no canto e espalmou, depois mandou para escanteio. Com 8 minutos, Germano fez um lançamento para Dagoberto, que dominou no peito, girou e bateu, a bola foi para fora.

Aos 10′, Artur cruzou da esquerda e Fernandão de peixinho, testou por cima do gol. Com 13′, Felipe Vieira cobrou falta da ponta direita, Augusto subiu e cabeceou por cima do gol. Sete minutos depois, Arthur Caíke cobrou falta frontal ao gol, Matheus Albino caiu no canto esquerdo e espalmou.

Com 21 minutos, Germano recuou mal a bola e Fernandão saiu cara a cara com Matheus Albino e só deslocou o goleiro para empatar o jogo. Quatro minutos depois, Douglas arriscou de fora da área e Matheus Albino espalmou para escanteio.

Com 33′, Paulinho derrubou Dagoberto dentro da área. Na cobrança, Dagoberto mandou no canto direito de Anderson, que não saiu na foto. Aos 43 minutos, Arthur Caíke cobrou escanteio, Xandão cabeceou e Albino fez a defesa.

Tubarão tentou, esbarrou no goleiro adversário, mas saiu de cabeça erguida

Com 5′, Anderson Oliveira fez a jogada e acionou Luquinha, que pegou de primeira e a bola desviou, saindo pela linha de fundo. Aos 15 minutos, Dagoberto cobrou falta com perfeição, no ângulo esquerdo de Anderson, que foi buscar e mandou para fora.

Com 23′, após lançamento de Arthur Caculé, Diego Gonçalves puxou a marcação e ajeitou para Luquinha, que bateu colocado e a bola passou perto do travessão de Anderson. Aos 33 minutos, Luquinha cobrou falta da direita e Safira desviou de cabeça, a bola tirou tinta da trave direita de Anderson.

Aos 38 minutos, Artur armou contra-ataque, carregou e acionou Flávio, que bateu para o gol e a bola foi para fora.

FICHA TÉCNICA
LONDRINA X BAHIA

Londrina: Matheus Albino; Raí Ramos, Sílvio, Augusto e Felipe Vieira; Anderson Leite, Germano (Arthur Caculé) e Luquinha; Marcelinho (Diego Gonçalves), Anderson Oliveira e Dagoberto (Safira).
Técnico: Alemão.

Bahia: Anderson; Nino Paraíba, Ernando, Xandão e Paulinho; Gregore, Douglas e Eric Ramires (Flávio); Arthur Caík (Shaylon)e, Artur e Fernandão (Gilberto).
Técnico: Roger Machado.

Local: Estádio do Café, em Londrina (PR)
Data/ Horário: 25/04/2019, às 19h15
Árbitro: Emerson de Almeida Ferreira (MG)
Árbitros Assistentes: Celso Luiz da Silva (MG) e Ricardo Junio de Souza (MG).

Público/ Renda: 752 pagantes/ 922 total/ R$ 21.25,00.
Cartão amarelo: Germano e Safira (Londrina); Nino Paraíba, Gilberto, Gregore e Xandão (Bahia)
Gols: Anderson Oliveira a 1′ do 1º tempo e Dagoberto aos 33′ do 1º tempo (Londrina); Fernandão aos 21′ do 1º tempo (Bahia).

Foto: Gustavo Oliveira/ Londrina EC Oficial.

Com promoção para mulheres e crianças, Londrina encara o Bahia, após semana conturbada

Com promoção de entrada gratuita para mulheres e crianças, o Londrina recebe o Bahia pela partida de volta da 4ª fase da Copa do Brasil, nesta quinta-feira (25), às 19h15, no Estádio do Café, em Londrina (PR). Após semana conturbada nos bastidores, o Tubarão precisa vencer por quatro gols de diferença para levar a disputa para as penalidades ou por cinco gols para avançar na competição nacional.

Com a saída de Roberto Fonseca, o comando técnico será de Alemão, que havia virado auxiliar fixo do clube. O treinador sinalizou que deverá trazer de volta ao time titular, os atletas que ele trabalhou durante o Campeonato Paranaense. O zagueiro Sílvio, o lateral-esquerdo Felipe Vieira e o atacante Marcelinho.

O Tubarão não poderá contar com o atacante Paulinho Moccelin, que foi expulso na partida de ida, com isso, Marcelinho retoma sua vaga na equipe titular. O atacante Dagoberto é dúvida para o confronto, já que não trabalhou com a equipe no treino no palco da partida na terça-feira (23), alegando dores musculares.

Sobre o final de semana conturbado nos bastidores, Alemão comentou dizendo que o futebol é assim:

“O futebol é assim, a gente fala que hoje em dia o futebol está dinâmico dentro de campo e fora do campo também, ele tem essas circunstâncias que acontece, que na verdade pegou todo mundo de surpresa, quando o Sérgio [Malucelli] me ligou informando a saída do Fonseca, eu lamentei muito, porque é um grande profissional, provou isso e tem capacidade plena, e as circunstâncias do jogo, das situações acabou fazendo ele tomar essas decisões, eu como foi combinado, estava a disposição do clube, estou mais uma vez a disposição para tentar fazer um grande trabalho, resgatar nossa confiança, pois é ruim você perder, principalmente de quatro a zero, é muito pior”

O técnico também terá a disposição os novos reforços, o atacante Diego Gonçalves e o meio-campo Arthur Caculé, que foram apresentados na tarde da última terça-feira (23).

Provável Londrina: 

De volta ao comando, Alemão deve fazer o retorno dos atletas que trabalharam com ele durante o Campeonato Paranaense.

Campanha

Para chegar até a 4ª fase da Copa do Brasil, o Tubarão passou por três adversários: Americano (RJ), Paraná Clube e Botafogo (PB).

Americano 1 x 2 Londrina – Estádio Elcyr Resende, em Saquarema (RJ)

Londrina 1 (5) x (4) 1 Paraná Clube – Estádio do Café, em Londrina (PR)

Botafogo (PB) 0 x 2 Londrina – Estádio Almeidão, em João Pessoa (PB)
Londrina 3 x 3 Botafogo (PB) – Estádio do Café, em Londrina (PR)

Bahia 4 x 0 Londrina – Arena Fonte Nova, em Salvador (BA)

Dados da competição

O Londrina fez cinco jogos na competição com duas vitórias, dois empates e uma derrota, com aproveitamento de 53,3% na Copa do Brasil. O Tubarão marcou oito gols e sofreu nove tentos, saldo de um gol negativo. O zagueiro Augusto, o meio-campo Luquinha e o atacante Marcelinho são os artilheiros do Alviceleste na competição com dois gols cada. O lateral-esquerdo Felipe Vieira e o atacante Anderson Oliveira fizeram um cada.

Em cinco jogos, os atletas do Londrina levaram 13 cartões amarelos e um vermelho. Rômulo levou quatro cartões amarelos e um vermelho.

ESPORTE CLUBE BAHIA

O Esquadrão de Aço tem uma grande vantagem para o confronto de volta contra o Tubarão, pode até perder por três gols de diferença, que mesmo assim ainda avança na competição nacional.

O técnico Roger Machado tem alguns problemas e poderá escalar alguns atletas considerados reservas. O zagueiro Lucas Fonseca, com dores musculares deve dar lugar para Xandão. Já o volante Elton, foi liberado pelo clube para resolver assuntos particulares, com isso, Douglas que volta após cumprir suspensão, deve fazer o meio-campo junto com Gregore. No ataque, o atacante Gilberto pode ser poupado, dando lugar a Fernandão.

Provável Bahia:

Com algumas mudanças, o técnico Roger Machado terá que fazer alterações em relação ao time que venceu no jogo de ida.

Campanha

Para chegar a 4ª fase da Copa do Brasil, o Esquadrão de Aço passou por três adversários: Rio Branco (AC), Santa Cruz (RN) e CRB (AL).

Rio Branco (AC) 2 x 2 Bahia – Arena da Floresta, em Rio Branco (AC)

Santa Cruz (RN) 0 x 1 Bahia – Arena das Dunas, em Natal (RN)

CRB (AL) 1 x 1 Bahia – Estádio Rei Pelé, em Maceió (AL)
Bahia 1 x 0 CRB (AL) – Arena Fonte Nova, em Salvador (BA)

Bahia 4 x 0 Londrina – Arena Fonte Nova, em Salvador (BA)

Dados na competição

O Bahia fez cinco jogos na competição com três vitórias e dois empates, tendo um aproveitamento de 73,3%. O Tricolor marcou nove tentos e levou três gols, tendo um saldo positivo de seis gols. O atacante Gilberto marcou três vezes para o clube baiano. O atacante Arthur Caíke fez dois gols e Elton, Artur, Nino Paraíba e Fernandão marcaram um gol cada.

Na competição em cinco jogos disputados, os jogadores do Tricolor levaram oito cartões amarelos e um vermelho. O lateral-esquerdo Moisés recebeu três cartões amarelos. Já o volante Douglas foi expulso na partida de volta contra o CRB.

Último confronto entre as equipes

O último jogo entre as duas equipes aconteceu na partida de ida da Copa do Brasil, com vitória por 4 a 0 para o Bahia. Arthur Caíke, Nino Paraíba, Artur e Fernandão, fizeram os tentos desse jogo.

FICHA TÉCNICA
LONDRINA X BAHIA

Londrina: Matheus Albino; Raí Ramos, Sílvio, Augusto e Felipe Vieira; Germano, Anderson Leite e Luquinha; Marcelinho, Anderson Oliveira e Dagoberto (Uelber).
Técnico: Alemão.

Bahia: Anderson; Nino Paraíba, Ernando, Xandão e Paulinho; Douglas, Gregore e Ramires; Artur, Arthur Caíke e Gilberto (Fernandão).
Técnico: Roger Machado.

Local: Estádio do Café, em Londrina (PR)
Data/ Horário: 25/04/2019, às 19h15
Árbitro: Emerson de Almeida Ferreira (MG)
Árbitros assistentes: Celso Luiz da Silva (MG) e Ricardo Junio de Souza (MG).

Foto: Felipe Oliveira/ EC Bahia Oficial.

Londrina tem má atuação, jogador expulso e sofre derrota pesada para o Bahia na Copa do Brasil

O Londrina foi até Salvador (BA), para encarar o o Bahia na partida de ida da 4ª fase da Copa do Brasil, na Arena Fonte Nova e perdeu por 4 a 0. Arthur Caíke, Nino Paraíba, Artur e Fernandão marcaram os gols do Esquadrão de Aço. O Tubarão teve ainda o atacante Paulinho Moccelin expulso na primeira etapa. Com a derrota, o Alviceleste precisa vencer a partida de volta por quatro gols de diferença para levar aos pênaltis ou mais de cinco para garantir a classificação. O jogo da volta será na próxima quinta-feira (25), às 19h15, no Estádio do Café, em Londrina (PR).

Londrina sofre com pressão, dois gols e expulsão

Como era esperado, a equipe baiana tentando chegar e pressionar o Londrina. Com 11 minutos, Eric Ramires chegou pela direita e cruzou para dentro da área, a defesa do Tubarão não conseguiu afastar e Gilberto tentou desequilibrado, a bola foi à direita de Matheus Albino. Aos 18′, Dagoberto cobrou falta de longe e a bola foi por cima da meta do Esquadrão de Aço.

Com 20′, Nino Paraíba armou contra-ataque, ganhou na dividida de Neuton e arriscou para o gol da entrada da área, a bola foi cruzada, Gilberto até tentou um desvio, mas não conseguiu, bola pela linha de fundo. Quatro minutos depois, Gilberto ganhou da defesa Alviceleste e Artur lançou para Arthur Caíke, que saiu de frente com o goleiro e de perna esquerda, mandou no fundo das redes de Matheus Albino.

Aos 28 minutos, Nino Paraíba armou contra-ataque, trabalhou com Gilberto, que devolveu a bola para o lateral, que dominou, puxou para a perna direita e bateu com muita felicidade sem chances para o arqueiro do Tubarão. Três minutos depois, Luquinha cobrou falta e Anderson fez uma boa defesa.

Com 39′, Paulinho Moccelin cometeu falta em Gilberto e deixou o braço no rosto do atleta Tricolor, o árbitro Péricles Bassols Pegado Cortez aplicou cartão vermelho direto para o atacante do Tubarão. Aos 42 minutos, Moisés cobrou falta rápida, Anderson Leite não afastou e Lucas Fonseca arriscou de longe, a bola passou perto do gol de Matheus Albino.

Confira os gols da primeira etapa entre Bahia e Londrina nas imagens da TV Bahêa:

🎥⚽ ⚽ Dois gols pro Bahia no primeiro tempo! Primeiro Arthur Caíke, depois Nino! Assista aqui! #BBMP

Posted by Esporte Clube Bahia on Thursday, April 18, 2019

Sem tanta intensidade, Tricolor faz mais dois e fecha em 4 a 0

Logo aos 5 minutos da 2ª etapa, Artur ganhou a dividida, acionou Eric Ramires, que de letra, deixou para Arthur Caíke, que bateu colocado buscando o ângulo, a bola tirou tinta da trave de Matheus Albino. Com 15′, Luquinha cobrou falta na cabeça de Augusto, que testou por cima da meta de Anderson .

Aos 24 minutos, Nino Paraíba acionou Fernandão na linha de fundo e Matheus Albino fechou o ângulo do jogador, mandando a bola pela linha de fundo. Com 31, Nino Paraíba cruzou pela direita, Artur apareceu entre os zagueiros e testou para o fundo das redes de Matheus Albino.

Aos 46 minutos, Moisés cobrou falta na ponta direita e Matheus Albino espalmou para a linha de fundo. Na cobrança de escanteio, Artur cobrou na cabeça de Fernandão, que mandou no ângulo de Albino, que não conseguiu evitar.

FICHA TÉCNICA
BAHIA X LONDRINA

Bahia: Anderson; Nino Paraíba, Ernando, Lucas Fonseca e Moisés; Gregore (Flávio), Elton e Eric Ramires; Artur, Arthur Caíke (Rogério) e Gilberto (Fernandão).
Técnico: Roger Machado.

Londrina: Matheus Albino; Raí Ramos, Wallace Acioli, Augusto e Neuton (Felipe Vieira); Germano, Anderson Leite e Luquinha (Safira); Paulinho Moccelin, Anderson Oliveira e Dagoberto (Marcelinho).
Técnico: Roberto Fonseca.

Local: Arena Fonte Nova, em Salvador (BA)
Data/ Horário: 18/04/2019, às 20h
Árbitro: Péricles Bassols Pegado Cortez (PE)
Árbitros Assistentes: Clóvis Amaral da Silva (PE) e Ricardo Bezerra Chianca (PE).

Público/ Renda: 17.695 pagantes/ R$ 243.910,00
Cartão amarelo: Elton e Flávio (Bahia)
Cartão vermelho: Paulinho Moccelin (Londrina)
Gols: Arthur Caíke aos 24′ do 1º tempo, Nino Paraíba aos 28′ do 1º tempo e Artur aos 31′ do 2º tempo e Fernandão aos 46′ do 2º tempo (Bahia).

Foto: Felipe Oliveira/ EC Bahia Oficial.

Equipe Tubanautas analisa o próximo adversário do Londrina na Copa do Brasil

O Londrina Esporte Clube começa sua caminhada na 4ª fase da Copa do Brasil nesta quinta-feira (18), às 20h, na Arena Fonte Nova, em Salvador (BA), contra o Bahia. Sendo que a partida de volta acontece no Estádio do Café, em Londrina (PR), na outra quinta-feira (25), às 19h15.

A equipe Tubanautas decidiu fazer uma avaliação do Esquadrão de Aço, que já teve troca de comando neste 2019, o que mudou o jeito de jogar do clube baiano e recebeu reforços desde o início da temporada:

Estilo Enderson Moreira

O Bahia iniciou a temporada 2019 com Enderson Moreira no comando da equipe, mas ficou até 31 de março, quando foi demitido do cargo, após ser eliminado da Copa Sul-Americana ainda na 1ª fase, não ter feito boa campanha na Copa do Nordeste e ter passado com certo sufoco nos jogos da Copa do Brasil.

O Tricolor baiano iniciou o ano atuando no 4-5-1, tendo mais atletas no meio-campo, com a aproximação dos dois extremos ao ataque, que tinha como referência o centroavante Gilberto.

Este foi o time base do técnico Enderson Moreira, nas duas fases iniciais da Copa do Brasil, onde empatou com Rio Branco (AC) e venceu o Santa Cruz (RN). Os meio-campistas Shaylon e Ramires também atuaram nessas partidas.

O centroavante Gilberto fez os três gols do Bahia nas duas primeiras fases, duas vezes contra o Rio Branco (AC) e um tento diante do Santa Cruz (RN). Com dois jogadores de lado, como o ex- Londrina, Artur e Élber dando velocidade pelos lados e trabalhando com a criatividade de Guilherme, Ramires e Shaylon centralizados.

Confira abaixo os melhores momentos do embate entre Rio Branco (AC) e Bahia:

Além dos avanços dos meio-campistas abertos, os laterais Nino Paraíba e Moisés também chegavam com frequência a linha de fundo. Porém, o time mostrou problemas nas bola aéreas e bola entre os zagueiros.

Abaixo, os melhores momentos entre Santa Cruz (RN) e Bahia:

Chegada de Roger Machado e mudança no esquema tático

O Bahia trouxe para substituir Enderson, um dos técnicos da nova geração com grande visibilidade nos últimos anos, o técnico Roger Machado, que passou por Grêmio, Atlético Mineiro e Palmeiras. Com Roger, o Esquadrão de Aço saiu do 4-5-1 e passou atuar no 4-3-3. Além da troca de comando, alguns reforços chegaram para dar mais qualidade ao elenco baiano, entre eles o ex-Londrina Arthur Caíke.

Com a chegada de Roger Machado, o Bahia mudou de esquema e alguns atletas assumiram a titularidade do time baiano.

Em todos os setores, houveram mudanças com Machado no comando. O goleiro Anderson assumiu a posição, Ernando se juntou com Lucas Fonseca na defesa; Elton ganhou a posição de Gregore como volante e Ramires assumiu o meio-campo central; No ataque, Arthur Caíke e Fernandão ganharam posições no ataque.

Roger Machado adiantou os meio-campistas laterais os transformando em pontas ou extremos e deixou mais campo para a armação de Ramires. Quando tem Fernandão em campo, Gilberto vira um extremo na composição de ataque e as vezes, se junta com o companheiro como centroavante dentro da área.

E os gols da classificação do Bahia na 3ª fase da Copa do Brasil, saíram de peças que entraram na equipe com a chegada de Roger Machado. Arthur Caíke fez o gol na partida de ida contra o CRB e Elton fez o gol da classificação em Salvador (BA). Com os dois gols saindo no final da partida.

Porém, as chegadas com chutes de fora da área e descidas nas costas dos laterais ainda são alguns dos problemas do Bahia. Para o confronto diante do Londrina, o treinador Roger Machado não terá o volante Douglas, que foi expulso na última partida contra o CRB.

No último final de semana, o Bahia ficou no empate diante do Bahia de Feira de Santana (BA), em 1 a 1, na 1ª partida da final do Campeonato Baiano. O jogo contra o Londrina fica no meio das duas finais do Esquadrão de Aço.

Foto: Felipe Oliveira/ EC Bahia Oficial.

Londrina vai encarar o Bahia pela 4ª fase da Copa do Brasil

Na manhã desta sexta-feira (12), a Confederação Brasileira de Futebol (CBF) fez o sorteio para definir os confrontos da 4ª fase da Copa do Brasil 2019. O Londrina vai encarar o Bahia, sendo a primeira partida fora de casa e a decisão no norte paranaense.

No sorteio, o Tubarão foi o quinto clube a ser sorteado e o último para descobrir seu adversário. Mais tarde, foram sorteados os mandos de campo, sendo que a partida de ida será disputada em Salvador (BA), na Arena Fonte Nova, na quinta-feira (18), às 20h. Já a volta, o classificado será conhecido no Estádio do Café, em Londrina (PR), na quinta-feira (25), às 19h15.

Histórico

Na sua 12ª participação, entre 20 clubes já enfrentados, será a primeira vez que o Alviceleste irá encarar um time da Bahia. Já do Nordeste, será o terceiro encontro, em 2018, contra o Ceará e neste ano, o Botafogo (PB). Nesse retrospecto, uma vitória, um empate e uma derrota contra nordestinos.

Últimos confrontos com o Bahia

A última vez em que Londrina e Bahia se enfrentaram foi no Campeonato Brasileiro da Série B de 2016. Na Arena Fonte Nova, vitória do Tubarão por 2 a 1, gols de Zé Rafael e Jô.

No returno, no Estádio do Café, nova vitória do Alviceleste, dessa vez pelo placar simples, 1 a 0, gol de Anderson Leite, que ainda está no elenco do Tubarão.

Campanha do Bahia 

O Tricolor baiano enfrentou o Rio Branco (AC) na 1ª fase da Copa do Brasil e ficou no empate por 2 a 2, em Rio Branco (AC), na Arena da Floresta. O centroavante Gilberto marcou os dois tentos do clube baiano. Na fase seguinte, o Bahia eliminou o Santa Cruz (RN), jogando na Arena das Dunas, em Natal (RN). Com o placar simples, 1 a 0, novamente Gilberto deu a classificação ao Tricolor.

Já na 3ª fase, em mais um duelo nordestino, o clube baiano empatou na partida de ida em 1 a 1 com o CRB (AL), no Estádio Rei Pelé, em Maceió (AL), gol do ex-jogador do Londrina, Arthur Caíke. Na partida de volta, com gol aos 53′ do 2º tempo, o Bahia fez 1 a 0 no clube alagoano e avançou para encarar o Londrina. Elton marcou o tento do Tricolor.

Reforços

Os novos reforços do Londrina estarão a disposição do técnico Roberto Fonseca para este confronto. O zagueiro Wallace Acioli, o lateral-esquerdo Neuton e o atacante Paulinho Moccelin.

Confrontos

Jogo da ida – Bahia x Londrina – Arena Fonte Nova, em Salvador (BA), às 20h

Jogo da volta – Londrina x Bahia – Estádio do Café, em Londrina (PR), às 19h15

Foto: Lucas Figueiredo/ Confederação Brasileira de Futebol (CBF).