Tag: Coritiba

Na capital, Londrina encara o Coritiba, visando manter os 100%

Após duas vitórias nas duas primeiras rodadas, o Londrina Esporte Clube tem um “duelo caseiro” na 3ª rodada do Campeonato Brasileiro da Série B, onde irá visitar o Coritiba, na noite desta quinta-feira (9), às 21h30, no Estádio Couto Pereira, em Curitiba (PR).

O técnico Alemão não contará com o volante Anderson Leite, que sofreu uma lesão no aquecimento antes da partida contra o Brasil de Pelotas e foi vetado para este confronto. Rômulo e Bertotto brigam pela posição, no jogo anterior, Rômulo foi o titular. Mesmo com a volta aos treinos de Arthur Caculé, Higor Leite deve ser mantido no meio-campo titular.

O zagueiro Sílvio comentou sobre a obediência tática do time e como isso pode ajudar o Tubarão sair com os três pontos do Couto Pereira:

“É não inventar muito, fazer a manutenção do espírito da equipe, a equipe têm sido muito solidária em campo, a manutenção do estilo de jogo, da obediência, o plano tático traçado pelo treinador, nós conseguimos essa vitória agora muito por causa disso, pelo organização em campo, a gente sabia que seria um jogo chato, que talvez se o adversário achasse o gol primeiro que nós, seria difícil de reverter, então nós temos muitos motivos para estar confiantes que nós iremos fazer um bom início de competição e se Deus abençoar, que toda ela seja positiva, que nós conquiste o nosso objetivo final”

Relacionados do Londrina:

Goleiros: Emerson e Matheus Albino;
Laterais: Felipe Vieira, Hélder e Raí Ramos;
Zagueiros: Augusto, Marcondes e Sílvio;
Meio-campistas: Arthur Caculé, Bertotto, Bruno Paulista, Germano, Higor Leite e Romulo;
Atacantes: Anderson Oliveira, Diego Gonçalves, Marcelinho, Paulinho Moccelin, Safira e Uelber.

Provável Londrina:

CORITIBA FOOT BALL CLUB

O Coritiba foi muito pressionado durante o estadual, trocou de técnico e acabou com dois vices-campeonato em cada taça do Campeonato Paranaense. Porém, após a chegada do técnico Umberto Louzer, o time ganhou um padrão de jogo e melhorou o futebol.

Na Série B, vitória em casa e empate fora, deixam a equipe com quatro pontos em dois jogos. Com promoção de ingresso, a expectativa é de casa cheia para enfrentar o Tubarão. O Coxa terá pelo menos uma mudança, o meio-campo Thiago Lopes, se lesionou e está fora do jogo, o meio-campo Giovanni retorna a equipe titular.

Outras mudanças que podem ocorrer, são as reestreias dos volantes João Vitor e Matheus Sales. João Vitor era titular até rescindir seu contrato com a Ponte Preta, que ocasionou uma rescisão com o Alviverde. Se optar por ele, Luiz Henrique deve perder vaga entre os 11.

Provável Coritiba:

Campanhas passadas:

Em 38 rodadas em 2018, o Londrina ficou na 8ª posição com 55 pontos. O Coritiba terminou na 10ª colocação com 52 pontos.

Último confronto:

O último confronto entre os clubes, ocorreu recentemente, no dia 7 de abril, na semifinal da Taça Dirceu Krüger do Campeonato Paranaense, no Estádio Couto Pereira, em Curitiba (PR) e teve vitória do Coxa por 2 a 1. Devid, marcou o gol Alviceleste e, Rodrigão e Wanderley fizeram os tentos do Alviverde.

FICHA TÉCNICA
CORITIBA X LONDRINA

Coritiba: Wilson; Diogo Mateus, Alan Costa, Romércio e Fabiano; Vitor Carvalho, Luiz Henrique (João Vitor), Welinton Júnior, Patrick Brey e Giovanni; Rodrigão.
Técnico: Umberto Louzer.

Londrina: Matheus Albino; Raí Ramos, Sílvio, Augusto e Felipe Vieira; Germano, Bertotto (Rômulo) e Higor Leite; Marcelinho, Anderson Oliveira e Safira.
Técnico: Alemão.

Local: Estádio Couto Pereira, em Curitiba (PR)
Data/ Horário: 09/05/2019, às 21h30
Árbitro: Thiago Duarte Peixoto (SP)
Árbitros Assistentes: Herman Brumel Vani (SP) e Evandro de Melo Lima (SP).

Foto: Gustavo Oliveira/ Londrina EC Oficial.

LEC ENTRA NO RANKING DAS 40 MAIS VALIOSAS MARCAS DO BRASIL

37034169025_822e63a633_k.jpg

Por @henrique_frigo

Conforme à BDO Brazil consultoria que avaliou os times mais valiosos do futebol brasileiro, a marca Londrina Esporte Clube ocupa a 40° posição.

Dentre os maiores times do Paraná segundo à BDO, apenas o Londrina evoluiu e valorizou sua marca, terminou o ano de 2016 com R$ 3,6 milhões para R$ 4,8 milhões em  2017, o que garantiu ele entrar no ranking das 40 maiores marcas de clubes do Brasil. Isso mostra a ascensão direta que o Tubarão vem conquistando ano após ano. Dos paranaenses ficam Atlético-PR na 13° posição (R$162 milhões), Coritiba é o 14° (R$136 milhões) e o Paraná 33° posição (R$13 milhões).

A BDO também concluiu que as marcas estão em constante evolução no país. Uns dos critérios de avaliação é: programas para sócios, direitos de transmissões, representatividade nas redes sociais entre outros.

Outros que apareceram na lista pela primeira vez também foram: ABC, Juventude, Remo, Sampaio Corrêa e Vila Nova.

FOTO: GUSTAVO OLIVEIRA/ASSESSORIA LEC

De igual pra igual com o verde da capital; Relembre o último jogo entre LEC x coxa

Por Cristiano Gonçalves

cristiano

Londrina x Coritiba é talvez hoje uma rivalidade maior do que Londrina x Maringá. Primeiro porque a cidade canção muda de time a cada nova estação do ano e também porque é contra os coxas onde temos aquela gana de ver o time jogar. Sempre contra “tudo e todos”. Há alguns anos nos contentávamos com um empate, aqui ou lá sempre fomos inferiores ao time dos verdes marmiteiros.

Porém a realidade mudou. Há alguns anos passamos perto de uma vitória, mas sempre fomos barrados pelo apito ‘amigo’. Adversidades que só aumentou ainda mais nossa rivalidade e a nossa gana de vencer.

Ano passado foi a grande amostra da força que temos, sem que ninguém atrapalhe. Quando o jogo é decidido apenas por quem tem que resolvê-lo de verdade, mostramos a verdadeira força da nossa torcida e também a vontade de um grande elenco que hoje temos à disposição.

Londrina, 9 de março de 2014 (quase um ano exato) Estádio do Café. Arquibancada com os sempre mais apaixonados torcedores do Tubarão, 4077 pagantes, calor infernal, torcida pra cima, e time na ânsia de uma vitória, pois só ela traria a classificação para o LEC. Que ao final se tornaria o dono do estado.

Relembre como foi aquele jogo. Jogo este que teve o atacante Arthur para abrir o placar para o Londrina e depois uma magnífica, estrondosa, épica, maravilhosa, majestosa cobrança de falta de Rone dias decretando o placa final de 2×0. Amanhã os dois estarão em campo que as estrelas deles e de todo o nosso elenco esteja brilhando como nunca e que outra vitória venha para o interior do Paraná!

FICHA TÉCNICA:

LONDRINA: Vitor; Maicon Silva, Dirceu, Gilvan e Paulinho; Silvio, Bidia (Robinho), Celsinho (Marcondes) e Rone Dias; Joel e Arthur (Lucas). TÉC: Claudio Tencati.

CORITIBA: Vanderlei; Vitor Ferraz, Bonfim, Chico e Diogo; Ícaro (Carlinhos), Gil, Robinho e Dudu; Norberto (Anderson Aquino) e Keirrison (Julio Cesar). TÉC: Dado Cavalcanti.